ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >


Unidade de Referência Tecnológica é implantada pela EmaterUnidade de Referência Tecnológica é implantada pela Emater

Publicado em 07/06/2016, Por Assessoria de Imprensa

A propriedade de Ireno Santi e família, localizada próximo à sede do município, servirá como modelo na implementação de práticas agrícolas conservacionistas de solo e de água. No final do ano de 2015, o governo do Estado instituiu a Política de Conservação do Solo e da Água, com a finalidade de incentivar, de fomentar e de coordenar ações com vista à conservação do solo e da água. A Emater/RS-Ascar, parceira desse projeto, trabalha fortemente oferecendo Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (ATERS) em Uso, Manejo e Conservação do Solo e da Água. A engenheira agrônoma da Emater de Vila Lângaro, Lilian Cris Dallagnol, acredita que a conservação de solo deve ser um projeto de longo prazo. “Inicialmente, fizemos um diagnóstico da propriedade em questão. Conhecemos os pontos fortes e os pontos fracos, pois somente assim saberemos como estabelecer práticas efetivamente conservacionistas. Cada propriedade tem suas particularidades, que devem ser analisadas de forma individual, assim como, deve haver um equilíbrio entre as práticas ideais e a real intenção do agricultor”, esclarece Lilian. A Unidade de Referência Tecnológica – URT - será de uma gleba de 6 hectares da família Santi. O local foi escolhido por representar a maioria das propriedades de Vila Lângaro, com problemas de erosão hídrica, certamente pela ocorrência de excesso de chuva em curtos períodos de tempo, associada à compactação e a práticas de manejo incorretas. Durante o mês de maio, visitas foram feitas ao local, para identificar alguns pontos importantes como: a existência de camada compactada, a presença de cobertura vegetal, o sentido operacional da semeadura e a velocidade de infiltração de água. Complementarmente, em outra gleba da propriedade, onde a erosão em sulcos estava causando problemas, foi feita a demarcação de terraço, com intuito de disciplinar o volume de escoamento da água da chuva e de reduzir as perdas de solo e de nutrientes. A URT será acompanhada periodicamente, visando implantar melhorias ao longo dos próximos anos, e servirá como modelo para demonstração e transferência de tecnologia. De acordo com a Emater, é preciso conscientizar a população sobre a importância do correto manejo e da conservação do solo e da água, uma vez que são os alicerces produtivos da agricultura.




Compartilhar: FACEBOOK