ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >


A Importância do diálogo para combater o uso abusivo de drogasA Importância do diálogo para combater o uso abusivo de drogas

Publicado em 24/04/2015, Por Assessoria de Imprensa

O abuso de drogas entre jovens tem sido uma das questões que mais afligem a sociedade contemporânea. É um dos mais complexos e inquietantes fenômenos de nossos tempos, exigindo que o governo e a sociedade partilhem a responsabilidade na busca de alternativas que levem a sua melhor compreensão e abordagem. A Escola Municipal de Ensino Fundamental Rafael Pinto Bandeira de Colônia Nova, município de Vila Lângaro, também se encontra diante deste novo desafio e, nesta circunstância, através da coordenação da psicóloga Aline Somenzi, estão sendo realizados projetos com o intuito de educar para prevenção, visto que esta abordagem apresenta-se como a melhor alternativa para o enfrentamento do consumo de drogas entre estudantes. Aline explica que prevenção significa dispor com antecipação, impedir ou pelo menos reduzir o consumo. O uso de drogas tem um impacto enorme nas relações sociais e familiares do usuário, portanto para que haja uma possível recuperação, a família é parte fundamental e para se ter um bom diálogo, é necessário que se tenha informações para que se possa discuti-las dentro de casa. É preciso ter o conhecimento a respeito para poder informar seus filhos, saber quais são as drogas mais utilizadas, o que são essas drogas, e quais os seus riscos. É importante saber informar também que o uso ocasional pode se tornar grave, pois as evidências são claras, por exemplo: um cidadão embriagado pode provocar um acidente automobilístico, uma balada regada a lança-perfume pode provocar súbitas paradas cardíacas e consequentemente algumas mortes. É importante demonstrar aos filhos que se deve ter preocupação e respeito pelos outros, bem como, reconhecer seus próprios erros. As atitudes valem mais do que as palavras, aquilo que fazemos terá muito mais poder de ficar gravado na memória dos nossos filhos do que aquilo que apenas falamos. Lembre-se que o exemplo não é a melhor forma de educar. É a única. Por fim, considera-se premente um trabalho que se contraponha ao consumo de drogas entre crianças, adolescentes e jovens adultos. A educação formal é um dos meios através da qual fazemos a conscientização, a educação e a prevenção e a escola a via natural para os esforços de prevenir o abuso de drogas entre alunos.




Compartilhar: FACEBOOK