ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >


Representantes de Vila Lângaro participam da Plenária do Território Rural do Nordeste Rio-grandenseRepresentantes de Vila Lângaro participam da Plenária do Território Rural do Nordeste Rio-grandense

Publicado em 30/06/2014, Por Assessoria de Imprensa

A abordagem territorial do desenvolvimento rural vem sendo adotada há mais de uma década pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário, como estratégia de integração e implementação de políticas públicas, visando o combate a pobreza, a redução das desigualdades sociais, a inclusão produtiva e o fortalecimento da agricultura familiar. Esta investida se expressa no Programa Desenvolvimento Regional, Territorial Sustentável e Economia Solidária, no Programa Territórios da Cidadania, no Plano Safra da Agricultura Familiar e no Plano Brasil Sem Miséria. Uma das ações foi criar os Colegiados Territoriais, os quais têm papel fundamental na definição de suas prioridades de contratação de projetos para infraestrutura rural. As propostas apoiadas devem ser coerentes às definições expressas nos Planos Territoriais de Desenvolvimento Rural Sustentável (PTDRS). Além disso, os Colegiados possuem a atribuição de realizar a gestão social dos contratos. Para isto contam com o apoio dos Assessores Territoriais de Inclusão Produtiva que implementam a Estratégia de Gestão Territorial do Plano Safra. No dia 25 de junho, na Casa de Cultura de Sananduva, realizou-se a Plenária do Território Rural do Nordeste Rio-grandense, com a participação dos membros deste colegiado. Na oportunidade tratou-se a respeito do encaminhamento do Plano de Desenvolvimento Territorial e discussão da metodologia empregada; apresentação de editais abertos que beneficiam o Território; discussão sobre o Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno porte (SUSAF-RS), este que tem por objetivo harmonizar e padronizar os procedimentos de inspeção e fiscalização de produtos de origem animal em todos os municípios do Rio Grande do Sul; projeção de uma reunião de representantes técnicos dos municípios do Território para tratar sobre a adequação das Agroindústrias Familiares ao SUSAF; informações sobre programas como o Programa Estadual de Incremento da Qualidade Genética da Pecuária de Carne e Leite – DISSEMINA e o Programa Nacional de Crédito Fundiário. De Vila Lângaro participaram a extensionista rural da ASCAR/Emater-RS, engenheira agrônoma Lilian Cris Dallagnol, vereadora Fátima Della Vechia e o secretário de Esportes Edilson Bertoglio Schultz, representando no ato o prefeito Claudiocir Milani. Os vila-langarenses reivindicaram pelo enquadramento do município no Programa DISSEMINA, uma vez que tem sua economia baseada fortemente na pecuária leiteira, essencialmente em propriedades familiares. “Firmar parceria com o DISSEMINA, possibilitará a Vila Lângaro o aumento da produtividade de leite e de carne, o aumento dos índices de eficiência reprodutiva dos rebanhos, sempre buscando o desenvolvimento das cadeias produtivas de pecuária de leite, e também de corte, que embora não tenha o mesmo destaque econômico do gado leiteiro, também é importante para a economia de pecuária familiar”, destacou extensionista Lilian Cris.




Compartilhar: FACEBOOK